sábado, 22 de janeiro de 2011

Argentina surpreende com cerveja cara


Nosssa, para tudo! Estou neste momento revendo meus conceitos sobre toda aquela conversa fiada de brasileiros de que Buenos Aires é barato e também sobre o que é um bar ruim!

Primeiro Quilmes é a Antártica que não deu certo. Cá para nós, Antártica só deu certo a original. Até ai, tudo bem!

Eu e uma amiga fomos ao bar Madagascar, na Plaza Serrano, parte de Palermo, e comecei aturando garÇonete ríspida! Superado o mal estar, eis que surge o cardápio. Uma cerveja em litro custa mais de 12 reais, Brahma ou Quilmes. Muito caro! A latinha vale mais que cinco contos! Optamos pela Chandon e vodka nacional. O que dispensa críticas.

Na hora de pagar, o bar que era equivalente ao Braseiro do Baixo Gávea, badalado, só permitia pagamento em dinheiro! Uma furada para brasileiros, em especial, aos fins de semana, que contam com a indisponibilidade de casas de cámbio!

Nunca vi igual! Evite que é só perda de tempo e muito dinheiro!

Bacios

PS Agora estamos tomando a cerveja Palermo, que eles falam que é ruim, só porque é forte, tipo Kaiser.

Um comentário:

  1. Argentina, a única coisa que anda bem torta pelas ruas é a bandeira

    ResponderExcluir